A agricultura biológica pode salvar os agrossistemas

Agrossitemas são salvos por agricultura biológica. Essa é a constatação de um estudo publicado em março de 2021 na revista Environmental Pollution .

Em 2017, durante 26 semanas, o Centro de Estudos Biológicos de Chizé, em Deux-Sèvres, e o laboratório de Biogeociências da Universidade da Borgonha, estudaram os efeitos dos produtos fitofarmacêuticos na saúde das aves.

Alimentaram quarenta perdizes cinzentas com cereais de agricultura convencional e de agricultura biológica e estudaram os efeitos na sua saúde. Segundo os investigadores pretenderam estudar os efeitos subletais, deletérios a longo prazo, e o efeito coquetel dos pesticidas.

As sementes provenientes da agricultura convencional, com resíduos muito baixos de cerca de quinze pesticidas, tiveram efeitos espetaculares logo após 10 semanas, onde se começaram a registar alterações a nível da imunidade, reprodução e metabolismo da gordura.

Os dois pesquisadores lamentam a falta de análise das consequências a longo prazo dos pesticidas antes de sua comercialização.

“A agricultura convencional contribui para a perda de biodiversidade enquanto que o biológico pode recuperar a biodiversidade e pode salvar os agrossistemas”, conclui Jérôme Moreau.

Poderá ter mais informação em https://reporterre.net/L-alimentation-bio-est-plus-saine-meme-pour-les-oiseaux

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

    PortugueseSpanishEnglish

    Menu Principal